segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

O Rio que o Rio não merece

 A cidade do Rio de Janeiro cresceu em meio a seus cenários naturais, entre o mar e a montanha.

Vista do Pão de Açúcar - Foto: Luiz Martins

Suas belezas são admiradas, quando caminhamos pelas ruas e pelo Centro Histórico, pelo litoral ou contemplamos a Baía de Guanabara do alto dos mirantes.

Vista do Mirante Dona Marta - Foto: Luiz Martins

As grandes áreas verdes das reservas ecológicas, dos parques e jardins conduzem para um contato com a natureza carioca.

Vista do Aterro do Flamengo - Foto: Luiz Martins

A cidade do Rio de Janeiro é dona do maior parque urbano do mundo, o Parque Estadual da Pedra Branca.

Parque Estadual da Pedra Branca - Foto: Luiz Martins

Entretanto, a cidade, como a maioria das grandes metrópoles, enfrenta sérios problemas ligados às questões ambientais. São situações que atingem as diversas regiões do Rio, como a qualidade do ar, o saneamento básico e qualidade da água atual de consumo.

Vista do Alemão - Foto: Luiz Martins

A falta de tratamento da rede de esgotos, a grande quantidade de lixos e de entulhos diversos deixados pelos próprios moradores são outras causas que prejudicam a cidade. Problemas agravados pelo arranjo geográfico dos bairros e pela aglomeração populacional.

Rua da escola municipal em Bangu - Foto: Luiz Martins 

Boa parte dessas situações interliga-se não apenas ao caráter ambiental, mas às contradições sociais que incluem a questão das diversas favelas do Rio. Somado a tudo isso, ao longo de sua história, a cidade do Rio de Janeiro nunca enfrentou tantas crises  como tem enfrentado nos últimos anos. O Rio vive nos últimos 4 anos, o pior momento da sua história, causado pelos seus governadores.

Alemão (RJ) - Foto: Luiz Martins

O cenário atual da cidade não combina com o cenário de sua beleza. Ainda assim, a cidade do Rio sempre foi um lugar de criatividade e grandes oportunidades de desenvolvimento pessoal e econômico.

Praça Mauá - Foto: Luiz Martins

A cidade foi palco de dois grandes eventos, a Copa do Mundo em 2014 e os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016. Como legado, a cidade teve grandes obras de infraestrutura como a vitalização da Zona Portuária.

Rio Star - Foto: Luiz Martins

O VLT implantado no centro da cidade foi também um grande avanço de infraestrutura. O VLT é um transporte mais barato do que o metrô e é sustentável. O VLT foi implementado por Eduardo Paes com uma visão de futuro. Um projeto que deveria ser exemplo nos projetos de integração dos transportes públicos no Rio.

Zona Portuária - Foto: Luiz Martins

Faltam ações administrativas e implementação de políticas públicas por meio de projetos que promovam maior consciência no trato desta cidade tão bonita. (Por Luiz Martins)

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 coment�rios:

Copyright © JORNAL IMPACTO | Suporte: Luiz Martins