terça-feira, 31 de julho de 2018

FLIP - o maior encontro entre escritores e leitores em um mesmo lugar


Realizada desde 2003, a Festa Literária Internacional de Paraty se estabeleceu não apenas como encontro da literatura, mas como plataforma para debates sobre questões sociais e políticas.

A cada ano, a FLIP vem se consagrando o maior encontro literário do Brasil e é considerada o evento literário mais importante da América Latina. A FLIP inseriu o Brasil no calendário internacional dos principais festivais literários e tornou-se uma vitrine da cultura brasileira para o mundo.
E mais uma vez a festa literária não decepcionou. Com diversas atrações para todos os gostos, o evento reuniu autores de diversas nacionalidades e houve momentos de debates políticos e em defesa de causas sociais e culturais.

Como aconteceu nos anos anteriores, a FLIP reuniu diversos escritores brasileiros. Entre os escritores que se encontravam no evento, destacamos o jornalista Robson Machado com o seu "O Andar Invisível". Autor do livro O Andar Invisível, um dos romances mais badalados da atualidade, o premiado jornalista Robson Machado também esteve na edição 2018 da Flip, a Festa Literária Internacional de Paraty, realizada neste final de semana. A Câmara Municipal de Paraty abriu o seu salão nobre para a sessão de autógrafos de O Andar Invisível. O evento foi prestigiado, inclusive, por outros escritores, como Josias Porto, que também esteve na Flip para lançar o seu livro "Põe-te No Meu Lugar". "Além de brilhante escritor, Josias é um bom amigo", disse Robson Machado, sobre a presença do colega escritor na sessão de autógrafos de "O Andar Invisível". Para estar ainda mais próximo do público, Robson também autografou a obra em um "almoço com o autor". O encontro mais intimista com o público aconteceu no Restaurante Caramujo, bem no Centro Histórico de Paraty. Depois da participação na Flip, Robson e "O Andar Invisível" Seguem para a Bienal Internacional do Livro de São Paulo, onde no próximo dia 7 o jornalista e escritor concede mais uma sessão de autógrafos. "A exemplo de ter estado na Flip, participar da Bienal Internacional de São Paulo será igualmente uma honra. Mas preciso dizer que o apoio dos parceiros nessas jornadas é imprescindível. Na Flip, "O Andar Invisível" teve o apoio da KRCS Consultoria Jurídica. Devemos sempre exaltar a quem apoia a cultura", conclui o jornalista e escritor.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Copyright © JORNAL IMPACTO | Suporte: Mais Template