segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Pequenas atitudes que fazem a diferença

Meio ambiente é um conjunto de condições e influências naturais que envolvem os seres vivos e age sobre eles. Assim sendo, o meio ambiente não envolve somente plantas, animais e belas paisagens, mas todos os seres vivos e os ambientes em que nele vivem. Enquanto não houver uma harmonia entre essas convivências, a vida no planeta se tornará cada vez mais difícil.

Pequenas atitudes podem melhorar o visual e diminuir os impactos ambientais. Construir um modo de vida que mantenha o planeta saudável é o desafio de cada habitante da Terra. Por isso, as ações devem ser contínuas e imediatas. Algumas medidas simples podem contribuir para manter recursos naturais e não poluir o local onde vivemos.

Uma das pessoas que tentam melhorar o meio ambiente é o senhor Delso da Chácara "A FOLHA" Plantas e Jardins, localizada na Estrada do Piaí, em Praia da Brisa (RJ). Delso não se preocupou apenas em cuidar de sua chácara, ele plantou diversas árvores e flores nas áreas externas ao longo da rua. Ele acredita que não fez mais do que a obrigação de cidadão para cuidar do meio ambiente.

Atitude sustentável é fazer as coisas que preservem o meio ambiente e que melhora a vida das pessoas, é usar com responsabilidade os recursos naturais que são esgotáveis, como a água,  por exemplo.

Anos atrás, Luiz Martins, do Jornal Impacto desenvolveu um projeto chamado “Plantando  para Sobreviver”. Este projeto foi desenvolvido com a participação de professores e alunos da Escola Técnica Estadual João Luiz do Nascimento (FAETEC de Nova Iguaçu) e foi implantado em escolas e vias públicas no estado do Rio. Um projeto de restauração florestal em áreas de preservação permanente, com o objetivo principal de recuperação do solo com a plantação de árvores ornamentais e frutíferas de pequeno e médio porte em locais como escolas e vias públicas. O projeto visa à proteção do solo, recuperação do oxigênio e a neutralização dos gases de efeito estufa que agravam o aquecimento global.

O papel das florestas na vida do ser humano nunca foi bem compreendido. Entretanto, com a repercussão negativa na qualidade de vida e só depois de muitos anos, as influências florestais sobre o clima, ar, água, solo, saúde e aspectos psicológicos na vida de todos ganharam a real importância.

O aumento da população, aliado às mudanças do ambiente impostas pelo próprio ser humano exercem grandes pressões sobre a atmosfera, ocasionando diferentes impactos sobre a natureza.  

Precisamos seguir exemplos como o do senhor Delso e Luiz Martins e tomarmos consciência das atitudes que devemos ter com o ambiente em que vivemos. Às vezes, os pequenos gestos têm melhores resultados do que projetos mirabolantes que não levam a lugar algum. E, para que a nossa missão seja alcançada plenamente, compartilhe esta ideia.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Copyright © JORNAL IMPACTO | Suporte: Mais Template